Não é nenhum segredo que comprar online se tornou algo comum na rotina de muitos homens, não é mesmo? Prova disso é que, como aponta um levantamento do SPC Brasil em conjunto com a CNDL, 86% dos brasileiros que estão conectados à rede fizeram, no mínimo, uma compra em algum site no último ano.

O motivo para esse resultado é bem simples: a internet ajuda a otimizar o tempo. E ainda permite que as pessoas pesquisem pelos produtos que desejam com apenas alguns cliques e podendo adquiri-los sem sair de casa.

Porém, não é porque as compras online se tornaram algo rotineiro que você pode descuidar da sua segurança no meio virtual. Ao contrário, é preciso ficar esperto para evitar problemas envolvendo os seus dados e informações bancárias. Pensando nisso, listamos seis dicas que vão ajudá-lo a identificar e-commerces confiáveis e tornar a sua experiência de compra ainda mais tranquila. Confira!

1. Conheça a procedência da loja

Antes de tudo, é interessante que você conheça a procedência da loja. Isto é, há quanto tempo ela está no mercado — a KILDARE, por exemplo, está em atividade desde os anos 70 e pertence a Calçados Jacob que foi fundada em 1928. Além disso, verifique quando iniciou as vendas online, se tem representantes oficiais em diferentes estados, se tem material institucional de fácil acesso na internet e se a marca pertence a algum grupo empresarial.

Isso porque um site de confiança não surge do dia para a noite. Afinal ele precisa ser planejado e estruturado por muito tempo antes de ir ao ar e, em muitos casos, começa com estabelecimentos físicos antes de se tornar virtual.

2. Certifique-se dos meios de contato do site

Fora o histórico da loja, repare se o e-commerce apresenta meios de contato para que o consumidor possa se comunicar com a empresa para tirar dúvidas a respeito de cadastro, questionar sobre estoque e promoções, resolver questões relacionadas à troca/devolução e muito mais. Ou seja, a famosa central de relacionamento.

Também é interessante reparar se eles detalham o horário de atendimento, se disponibilizam um e-mail e ainda informam redes sociais para diversificar as opções de contato entre consumidores e marcas. Pois tudo isso ajuda você no momento da comprar online e facilita a resolução de qualquer dificuldade ou incidente que possa ocorrer quanto aos prazos de entrega e recebimento do material adquirido.

3. Veja se o domínio do site é oficial

Uma terceira dica muito importante é verificar se o domínio do site é oficial. “Mas como assim?”, você deve estar se perguntando. Bem, a gente explica. O que acontece é que há criminosos que, muitas vezes, criam páginas similares ao dos e-commerces para se passar por eles e, assim, enganar os consumidores.

Lembrando que não estamos falando apenas da reprodução do conteúdo dos sites, mas também da URL de acesso deles. Por exemplo, o original termina em “.com”, e a cópia, em “.net”. É por isso que eles parecem tão reais, pois são verdadeiros plágios. 

Portanto, cabe a você ficar atento a links de acesso que pareçam duvidosos e fazer uma pesquisa prévia nas redes sociais para saber se eles são os mesmos divulgados nelas. A central de atendimento da loja também é bastante útil para pôr fim a essa dúvida.

Por fim, o próprio Google pode indicar se o domínio do site procede ou não, já que ele conta com uma funcionalidade chamada “navegação segura” que detecta URLs não seguras que são suspeitas de conterem vírus e artifícios capazes de roubar dados pessoais dos usuários.

4. Repare se o site é protegido

Outro aspecto relevante a ser observado no site é se ele é devidamente protegido para que seus dados não fiquem vulneráveis a pessoas mal-intencionadas. Por isso, leia a política de privacidade da loja virtual para saber se as informações bancárias são criptografadas.

Esse procedimento é fundamental para garantir que somente a empresa terá acesso a elas para fins de prosseguir com a confirmação de pagamento das mercadorias.

Você também pode confirmar esse detalhe clicando no ícone de cadeado que aparece ao lado do espaço para digitar as URLs. Assim, você descobre quando a conexão é reconhecida como protegida pelo navegador e qual certificado de segurança é apresentado pelo site.

5. Use as redes sociais a seu favor

Nós já falamos bastante sobre redes sociais, mas, aqui, vamos voltar a bater nessa tecla. Isso porque, na era digital em que vivemos, elas podem ser grandes aliadas dos consumidores.

Além de servirem para estreitar a comunicação deles com as empresas e permitirem que os clientes saibam novidades em primeira mão dos produtos pelos quais têm interesse. Também permitem que você fique por dentro da experiência de compra de outros clientes.

Isso é possível, já que, no Facebook, no Twitter, no Instagram, no YouTube e em afins, é fácil encontrar depoimentos de pessoas de como foi comprar online no site desejado e que descrevem como fi o processo e a satisfação com o item adquirido. Esses relatos estão, por exemplo, nos comentários, nas avaliações, nas marcações com hashtags, nos stories etc. Basta dedicar alguns minutos que, certamente, você os encontrará.

6. Cheque as informações da loja

Por fim, não deixe de checar se a loja virtual disponibiliza informações cadastrais, como é o caso de um endereço para localização. Outro dado essencial é o CNPJ, pois esse é o registro jurídico da empresa junto à Receita Federal e que aponta se ela está ativa, a data de abertura do negócio e, até mesmo, o quadro de sócios administradores.

Tudo isso serve para comprovar a existência do e-commerce e assegurar que não haverá golpes ou tentativa de furto de dados durante a aquisição de produtos. Além disso, você pode saber mais sobre a reputação da loja e as experiências de outros consumidores, no Reclame Aqui, plataforma criada especificamente para ajudar os consumidores na nisso.

Seguindo nossas dicas para identificar e-commerces seguros e confiáveis, como o da KILDARE — que é referência em loja de calçados casuais masculinos —, a sua experiência em comprar produtos online ficará não só muito mais segura, mas também mais bem assistida por uma equipe de atendimento de qualidade.

Gostou das sugestões que reunimos no post? Pois aproveite e conheça o site da KILDARE para conferir a nossa variedade de modelos para cada ocasião da sua rotina!